Kegel, Exercícios de: Saber mais

O que são exercícios de Kegel?

Os exercícios de Kegel são uma forma de exercício que visa fortalecer os músculos do assoalho pélvico. Esses músculos são responsáveis por suportar os órgãos pélvicos, como a bexiga, o útero e o intestino, e também estão envolvidos no controle da micção e da defecação.

Como realizar os exercícios de Kegel?

Os exercícios de Kegel envolvem a contração e relaxamento dos músculos do assoalho pélvico. Para realizar esses exercícios, é importante identificar corretamente os músculos alvo. Uma forma de fazer isso é interromper o fluxo de urina durante a micção. Os músculos que você usa para interromper o fluxo de urina são os músculos do assoalho pélvico.

Uma vez que você tenha identificado corretamente os músculos do assoalho pélvico, você pode começar a realizar os exercícios de Kegel. Comece contraindo esses músculos por cerca de 5 segundos e depois relaxe por outros 5 segundos. Repita esse ciclo de contração e relaxamento por cerca de 10 vezes, três vezes ao dia.

Benefícios dos exercícios de Kegel

Os exercícios de Kegel podem trazer uma série de benefícios para homens e mulheres. Para as mulheres, esses exercícios podem ajudar a fortalecer os músculos do assoalho pélvico após o parto, prevenindo a incontinência urinária e melhorando a função sexual. Para os homens, os exercícios de Kegel podem ajudar a tratar a disfunção erétil e a incontinência urinária.

Além disso, os exercícios de Kegel também podem ser benéficos para pessoas que sofrem de problemas de próstata, como a hiperplasia prostática benigna (HPB). Esses exercícios podem ajudar a fortalecer os músculos ao redor da próstata, melhorando a função urinária.

Quando começar a fazer os exercícios de Kegel?

Os exercícios de Kegel podem ser realizados por pessoas de todas as idades. No entanto, é importante lembrar que a prevenção é sempre melhor do que o tratamento. Portanto, é recomendado começar a fazer os exercícios de Kegel antes de surgirem problemas relacionados aos músculos do assoalho pélvico.

Para as mulheres, é especialmente importante realizar os exercícios de Kegel durante a gravidez e após o parto, para fortalecer os músculos do assoalho pélvico e prevenir a incontinência urinária. Para os homens, os exercícios de Kegel podem ser benéficos em qualquer idade, especialmente para aqueles que sofrem de problemas de próstata.

Dicas para melhorar os exercícios de Kegel

Existem algumas dicas que podem ajudar a melhorar a eficácia dos exercícios de Kegel. Primeiro, é importante manter uma rotina regular de exercícios, realizando-os diariamente ou pelo menos três vezes por semana. A consistência é fundamental para obter resultados.

Além disso, é importante lembrar de respirar corretamente durante os exercícios de Kegel. Muitas pessoas tendem a prender a respiração enquanto realizam esses exercícios, o que pode dificultar a contração dos músculos do assoalho pélvico. Portanto, respire normalmente e concentre-se na contração e relaxamento dos músculos alvo.

Contraindicações dos exercícios de Kegel

Embora os exercícios de Kegel sejam geralmente seguros e benéficos, existem algumas situações em que eles podem não ser recomendados. Por exemplo, se você estiver sofrendo de infecção urinária ou vaginal, é importante tratar a infecção antes de iniciar os exercícios de Kegel.

Além disso, se você estiver grávida e tiver um histórico de parto prematuro ou placenta prévia, é importante consultar o seu médico antes de iniciar os exercícios de Kegel. Em alguns casos, esses exercícios podem não ser recomendados durante a gravidez.

Considerações finais

Os exercícios de Kegel são uma forma eficaz de fortalecer os músculos do assoalho pélvico e melhorar a função urinária e sexual. Eles podem ser realizados por homens e mulheres de todas as idades e trazem uma série de benefícios para a saúde.

Se você estiver interessado em realizar os exercícios de Kegel, é importante aprender corretamente como realizá-los e manter uma rotina regular de exercícios. Além disso, é importante consultar o seu médico antes de iniciar qualquer programa de exercícios, especialmente se você tiver alguma condição médica pré-existente.

Com a prática regular dos exercícios de Kegel, você pode fortalecer os músculos do assoalho pélvico e melhorar a sua qualidade de vida.