Bebê com Intolerância à Lactose: Saber mais

O que é a intolerância à lactose em bebês?

A intolerância à lactose é uma condição em que o organismo não consegue digerir adequadamente o açúcar presente no leite e seus derivados, chamado lactose. Essa incapacidade ocorre devido à falta ou deficiência da enzima lactase, responsável por quebrar a lactose em moléculas menores para que possam ser absorvidas pelo intestino.

Em bebês, a intolerância à lactose pode ser congênita, ou seja, presente desde o nascimento, ou adquirida ao longo do tempo. É importante ressaltar que a intolerância à lactose é diferente da alergia ao leite de vaca, que é uma reação imunológica a proteínas presentes no leite.

Sintomas da intolerância à lactose em bebês

Os sintomas da intolerância à lactose em bebês podem variar de acordo com a quantidade de lactose consumida e a capacidade do organismo de digeri-la. Alguns dos sintomas mais comuns incluem:

– Cólicas abdominais;

– Diarreia;

– Gases;

– Vômitos;

– Irritabilidade;

– Choro excessivo;

– Dificuldade para ganhar peso;

– Distensão abdominal.

É importante ressaltar que esses sintomas podem ser causados por outras condições, por isso é fundamental consultar um médico para obter um diagnóstico preciso.

Diagnóstico da intolerância à lactose em bebês

O diagnóstico da intolerância à lactose em bebês é feito por meio de exames clínicos e laboratoriais. O médico irá avaliar os sintomas apresentados pela criança, realizar um histórico alimentar e, se necessário, solicitar exames como o teste de intolerância à lactose.

Esse teste consiste em oferecer ao bebê uma solução contendo lactose e, em seguida, medir a quantidade de hidrogênio expirado. Caso haja um aumento significativo na concentração de hidrogênio, isso indica que a lactose não está sendo devidamente digerida.

Tratamento da intolerância à lactose em bebês

O tratamento da intolerância à lactose em bebês consiste em excluir da dieta alimentos que contenham lactose. No caso de bebês alimentados com leite materno, a mãe também deve evitar o consumo de laticínios.

Para substituir o leite de vaca, existem fórmulas infantis especiais sem lactose disponíveis no mercado, que fornecem todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento saudável do bebê. Além disso, é possível introduzir alimentos sólidos ricos em cálcio, como brócolis e couve, para suprir a necessidade desse mineral.

Cuidados e dicas para bebês com intolerância à lactose

Além da exclusão da lactose da dieta, existem alguns cuidados e dicas que podem ajudar a lidar com a intolerância à lactose em bebês:

– Consulte um médico especialista em nutrição infantil para orientações específicas;

– Leia atentamente os rótulos dos alimentos para identificar a presença de lactose;

– Evite o consumo de alimentos processados que possam conter lactose;

– Introduza gradualmente alimentos sólidos na dieta do bebê, sempre respeitando as recomendações do médico;

– Monitore os sintomas e relate ao médico qualquer alteração;

– Esteja atento aos sinais de deficiência de cálcio e, se necessário, converse com o médico sobre a suplementação adequada.

Considerações finais

A intolerância à lactose em bebês pode ser um desafio para os pais, mas com o acompanhamento médico adequado e a adoção de uma dieta livre de lactose, é possível garantir o crescimento saudável da criança. É importante lembrar que cada caso é único, por isso é fundamental consultar um médico especialista para obter orientações personalizadas.